CENÁRIOS DE DESENVOLVIMENTO PÓS COVID

CENÁRIOS DE DESENVOLVIMENTO PÓS COVID



O Observatório Febraban aponta otimismo entre a população bancarizada brasileira sobre a perspectiva de retomada financeira individual e familiar. Existe, por exemplo, intenção de manter ou aumentar a frequência aos supermercados em 78% dos pesquisados. Outros negócios também registram intenções elevadas de continuar ou elevar a frequência, como salões de beleza (66%), comércio de rua (55%), bares e restaurantes (47%) e shoppings (47%).

“Ao cruzar os cenários macro e a percepção dos brasileiros, identificamos um terreno fértil”, confirma Giacomo Guarnera,  presidente da Promo Brasile Italia, associação sem fins lucrativos com sede em Milão.

Com os detalhamentos do Programa Pró-Brasil será possível identificar com mais clareza as linhas de investimentos para o crescimento econômico brasileiro após a crise provocada pela Pandemia do Coronavírus. 

Realizada pelo Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas (Ipespe), a primeira edição do novo Observatório Febraban ouviu amostra de mil pessoas representativa da população adulta bancarizada, de todas as regiões do país, entre os dias 1º e 3 de junho. Leia a íntegra do levantamento.

Outubro é o marco para Plano de Retomada 

Todo o time envolvido no Movimento Conexão Brasil Itália está monitorando os indicadores e todos são unânimes na percepção positiva do cenário de retomada a partir de outubro.

Em nível federal, o governo pretende orientar o plano a partir de duas diretrizes: uma correspondente à “ordem”, e a outra correspondente ao “progresso”. A parte da ordem seria voltada para aumento da segurança jurídica e melhora do ambiente de negócios no Brasil. A parte do progresso se basearia em investimentos públicos e privados.

Em nível municipal a visão é permitir que pequenos e médios negócios construam pontes com a Itália. “É um caminho de mão dupla”, frisa Adriana Trentin, da Affari Comunicação, articuladora do projeto.

Road Show na Itália

Assim que os eventos presenciais sejam possíveis será organizada uma agenda de encontros setoriais incluindo startups e empresas do ecossistema de inovação de Campinas. 

Os Road Shows são espécies de missões que podem incluir rodadas de negócios. A proposta do projeto é mapear oportunidades e desenhar um plano que envolva diversos setores da economia com agenda de networkings, visitas técnicas e painéis. “Enquanto não voltamos às atividades presenciais, estamos explorando o formato virtual com dinâmicas de webinars”, acentua Trentin.